A carregar...

MUSEU DO ORIENTE ESTÁ ABERTO AO PÚBLICO

Saiba mais sobre os espaços visitáveis e condições de acesso.

MUSEU DO ORIENTE ESTÁ ABERTO AO PÚBLICO

A partir de 2 de Junho, o Museu do Oriente está aberto ao público, com as limitações e as medidas de segurança que se impõem no actual contexto de pandemia.

Estarão abertas ao público para visita as exposições Presença Portuguesa na Ásia e A Ópera Chinesa, bem como as mostras temporárias Fukuko Ando, Weaving (the) Cosmos e Frei Agostinho da Cruz e a Espiritualidade Arrábida.
Mediante marcação prévia, o Museu receberá visitas de grupos organizados que não excedam 10 pessoas.

Para além das áreas expositivas, reabrem também os seguintes espaços:
  • Loja
  • Restaurante / Cafetaria
  • Centro de Documentação António Alçada Baptista.

A programação regular de espectáculos, eventos, cursos, conferências e ateliês será retomada em data a informar.

Mantem-se a realização de actividades online, bem como a partilha de conteúdos, recursos educativos, podcasts e outros materiais sobre o acervo do Museu nas suas redes sociais facebook.com/museudooriente e instagram.com/museudooriente.

CONDIÇÕES DE ACESSO:
  • O uso de máscara é obrigatório
  • Manter a distância de segurança de 2 metros
  • Evitar formar grupos
  • Privilegiar o pagamento por cartão
  • Privilegiar a utilização das escadas no acesso aos pisos
  • Seguir a sinalética e os percursos recomendados
  • Respeitar as lotações estabelecidas para os diferentes espaços/áreas expositivas
  • Evitar tocar nas várias superfícies
  • No Centro de Documentação, é obrigatório o uso de luvas no acesso às estantes e computador

HORÁRIOS
Museu
Terça a domingo | 10.00-18.00
Sexta | 10.00-22.00 (entrada gratuita das 18.00 às 22.00)

Restaurante / Cafetaria - Piso 5
Terça a domingo | 10.00-18.00

Loja
Terça a domingo | 10.00-18:00
Sexta-feira | 10.00–20.00

Centro de Documentação António Almada Baptista
Segunda a sexta | 10.00 - 18.00

Convento da Arrábida
Reabre a 1 de Junho, em regime de visitas organizadas com marcação prévia, limitadas a um máximo de 10 pessoas/visita.